LEI de CAUSA e EFEITO: no dia-a-dia


Continuando o estudo sobre o plano espiritual, o que somos e como as nossas atitudes influenciam sobre esta e outras encarnações, nesta dinâmica vamos observar comportamentos diários e como eles atuam em nossas vidas. 

Faça uma lista de atitudes de causa e outra lista de atitudes de efeito. Estes ítens não precisam estar vinculados diretamente uma o outro.

CAUSA
CAUSA
ajudar na arrumação da casa
CAUSA
arrumar o material escolar
CAUSA
arrumar o quarto
CAUSA
atender aos pedidos dos pais
CAUSA
brigar com o irmão
CAUSA
mentir para os pais
CAUSA
cigarro
CAUSA
dormir cedo
CAUSA
dormir tarde
CAUSA
estudar
CAUSA
fazer tarefa escolar em casa
CAUSA
hamburger
CAUSA
ir ao baile funk
CAUSA
jogar video game
CAUSA
não se importar com os mais velhos
CAUSA
praticar esporte
CAUSA
respeitar regras da escola
CAUSA
computador
CAUSA
tomar conta da avó no hospital
CAUSA
tomar conta do irmão

EFEITO 10 anos depois
EFEITO
mãe atenciosa
EFEITO
mentir no trabalho, em casa
EFEITO
pessoa calma e concentrada
EFEITO
pessoa concentrada nas tarefas
EFEITO
pessoa doente
EFEITO
pessoa estressada
EFEITO
pessoa inteligente
EFEITO
pessoa que não consegue arranjar emprego
EFEITO
pessoa saudável
EFEITO
pessoa super-ativa
EFEITO
receber carinho dos filhos
EFEITO
receber desprezo dos filhos
EFEITO
ser amigo
EFEITO
ser boa dona de casa
EFEITO
ser desleixada
EFEITO
ser pessoa desorganizada
EFEITO
ser pessoa organizada
EFEITO
ser respeitado
EFEITO
sucesso na profissão
EFEITO
ter problema de relacionamento

Recorte as tiras, separando causa e efeito.

Separe em grupos e tenha cópias separadas para cada grupo. Entregue as tiras recortadas e deixe que eles façam a associação que, na opinião deles, faz sentido.
Veja um resultado obtido em sala de aula: 

Baseado no resultado de cada associação, converse com o grupo sobre causa e efeito, sobre a maneira que eles percebem suas atitudes e como isto está atuando em suas vidas. 

Esta foi uma aula muito proveitosa. Bons resultados e boas conversas surgiram desta dinâmica.
by: GLAUCIA DE BARRO

0 comentários:

Postar um comentário